Abraji

Abraji

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

SuperVia, o povo quer respeito em 2012!




A SuperVia apresentou, o primeiro dos 73 trens modernizados que vão passar a integrar a frota da empresa. Entretanto, na viagem inaugural do trem, o sistema de ar-condicionado apresentou problemas, e os passageiros, incluindo o presidente da SuperVia, Carlos José Cunha, e o deputado federal licenciado e secretário estadual de Transportes, Júlio Lopes (PP-RJ), tiveram que trocar de vagão.
“Estamos em uma fase de testes, e vamos fazer ajustes no ar-condicionado. Estamos indo para outro vagão para termos mais conforto”, explicou Cunha. Mas a tentativa foi em vão. Após a primeira parada, na Praça da Bandeira, o ar-condicionado do vagão para onde os passageiros foram transferidos também apresentou problemas, funcionamento intermitente e jorrava água do teto. Por vezes, a luz do vagão também se apagava.
A assessoria de comunicação da SuperVia informou que o trem modernizado, que após a viagem inaugural entraria em operação normal foi levado para a oficina de Deodoro para manutenção. Depois disso, o trem iria ficar fazendo viagens de teste, sem passageiros. A previsão é que até o final de dezembro o trem entre em circulação.
Durante a cerimônia de inauguração do trem modernizado, o presidente da Supervia anunciou que já antecipou o investimento de R$ 500 milhões para a compra de 30 novos trens. A compra estava prevista para ocorrer só a partir de 2016. “Essa antecipação reforça o compromisso com um serviço de qualidade para a população do Rio”, ressaltou.
O presidente da Supervia afirmou que, até o fim de março de 2012, oito novos trens comprados na China, além de novo composições modernizadas vão entrar em operação. “Isso significa que, até o fim do primeiro trimestre, 15% da nossa frota vai contar com ar-condicionado”, destacou. “Até o fim de 2013, todos os trens estarão modernizados”, prometeu Cunha (fonte site G1).
Perceberam pela declaração do presidente da SuperVia, que o povo que depende deste meio de transporte, está perdido? Além de não existir bom senso, o pessoal da SuperVia, é ruim de cumprir compromissos. Agora uma pergunta que não quer calar: O que fazem os deputados estaduais que permitem esta "zona", não fiscalizam o que acontece e o pior de tudo: Autorizam reajustes de tarifas? Em Japeri, por exemplo, o meio de transporte mais utilizado pela população é o trem. Na cidade, um dos pré-candidatos, o petista André Ceciliano está no mandato de deputado estadual. O que Ceciliano tem feito a respeito desse tema? Não sabe? Eu te respondo então. NADA! Isso mesmo, NADA! Outro dia assisti um vídeo do deputado reunido com o presidente da SuperVia e nesse vídeo, Ceciliano pedia um plataforma no bairro Delamare. A plataforma é uma justa reivindicação da população. Mas e o funcionamento do transporte? Será que a plataforma é mais importante? Deputado o senhor deveria ao invés de pedir plataforma, deveria cobrar do presidente da SuperVia que cumpra com a sua obrigação. Dentre as atividades do parlamentar, a de fiscalizar o Poder Executivo estadual, inclusive as concessionárias é uma das mais importantes. Para ganhar votos e vencer as eleições em Japeri, deputado, o senhor vai ter que trabalhar pela população e apresentar resultados. "De ouvir estórias o povo já está de saco cheio!"
Na reportagem do "nosso vídeo", três diretores da SuperVia, são acusados de descumprir uma decisão judicial, que previa melhorias no serviço. Os diretores foram multados cada um, em R$ 200 mil, tendo em vista que já estavam acertadas entre as partes o Termo de Ajustamento de Conduta.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Juiz decreta prisão de ex-coordenador do Lei Seca




O juiz da 3ª Vara Criminal de Niterói, Peterson Barroso Simão, aceitou a denúncia do Ministério Público contra Alexandre Felipe Vieira Mendes, ex-subsecretário estadual do governo e ex-coordenador da Lei Seca, que, em agosto, atropelou quatro pessoas, matando uma delas, em Itaipu, região oceânica de Niterói (RJ). Foi também decretada a prisão preventiva do acusado.
O juiz considerou a prisão preventiva necessária por ter havido, por parte do ex-secretário, tentativa de intimidação dos policiais militares que atenderam à ocorrência e por haver o risco de que essa intimidação continue durante o processo, comprometendo a isenção dos depoimentos que serão colhidos. "Em liberdade, o denunciado poderia fazer o que já fez: solicitar recursos da máquina pública tal como ocorreu ao chamar o reboque, bem como influenciar a colheita de provas por conta própria ou de terceiros", escreveu o juiz na decisão. Após o crime, servidores da Operação Lei Seca tentaram retirar o veículo de Alexandre do local do crime, com o reboque destinado à Operação.
Outros motivos que levaram à decretação da prisão preventiva, de acordo com a decisão do juiz, foram: "1) a quem caberia a fiscalização e cumprimento da chamada 'Operação Lei Seca' demonstra que ainda não aprendeu a lição: 'se dirigir não beba'; 2) o denunciado, segundo o MP, 'visivelmente embriagado', dirigiu seu veículo atropelando três pessoas de uma mesma família. Empreendeu fuga, omitindo socorro. Em seguida, atropelou uma quarta vítima, que morreu; 3) a materialidade restou induvidosa e existem indícios de autoria, bem como do elemento subjetivo - dolo eventual, tal como apontou o Ministério Público" (Fonte: Site Terra e vídeo Jornal Nacional) .
Depois de ler os motivos da decisão do juiz para decretar a prisão de Alexandre Vieira, confesso que pouco tenho a falar e muito a agradecer. Afinal, não posso deixar de reconhecer que os cidadãos estão mais seguros após a decisão do magistrado. O ex-coordenador após o crime cometido, usou todo o conhecimento e recursos para escapar ileso. Graças a Deus não conseguiu! o governador Sérgio Cabral (PMDB) demitiu Vieira, entretanto, se omitiu em relação ao crime e principalmente em relação a atitude do ex-assessor e "homem de confiança". Por várias vezes assistimos o governador se referir aos médicos, professores, bombeiros e policiais militares, com adjetivos como: "vagabundos, preguiçosos e bandidos". Lembram? No caso de Alexandre Vieira, o governador preferiu o silêncio.  Quero aproveitar a oportunidade para agradecer aos internautas, pela confiança e o recorde de acessos da postagem anterior. CONFIANÇA SE CONQUISTA COM TRABALHO! Muito obrigado! 

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Rosinha continua prefeita e Globo se omite

Uma decisão liminar do desembargador federal Sérgio Schwaitzer manteve no cargo a prefeita de Campos dos Goytacazes, Rosinha Garotinho (PR), além de suspender a inelegibilidade imposta ao deputado federal Anthony Garotinho (PR-RJ), marido da prefeita. A liminar é válida por 30 dias e acolhe o pedido feito dentro de uma Ação Cautelar, ajuizada pelo casal às 13 horas desta sexta-feira, dia 30. "Defiro a liminar, para conceder efeito suspensivo ao recurso eleitoral interposto, pelo prazo de 30 dias", redigiu o desembargador federal, na decisão publicada às 16h33.
O desembargador Schwaitzer concedeu a liminar com base em dois argumentos jurídicos. Primeiro, ele entendeu que seria plausível a alegação de Rosinha e Anthony Garotinho de que o casal teria direitos ameaçados pela decisão que cassou a prefeita e tornou o deputado federal inelegível. Em ações como a Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) movida contra o casal, os Tribunais ainda não teriam consolidado a jurisprudência sobre como aplicar a redação da Lei Complementar 64/90, com as alterações introduzidas pela LC 135/2010, a Lei do Ficha Limpa.
Além disso, o desembargador federal lembrou que a decisão do Juízo da 100ª Zona Eleitoral era passível de ser revisada, após o exame do recurso pelo Colegiado do TRE-RJ. Constantes alterações na chefia do Poder Executivo municipal poderiam provocar o que o desembargador federal Schwaitzer classificou de "insegurança jurídica". Caso o mérito da Ação Cautelar não seja julgado em 30 dias, a decisão liminar perde efeito.
Na quarta-feira, dia 28, o casal Garotinho já havia ajuizado um Mandado de Segurança com pedido de liminar, mas que foi negado também pelo desembargador federal Sérgio Schwaitzer nesta sexta-feira, dia 30. Ele considerou que o instrumento jurídico utilizado não seria o adequado para obter o efeito suspensivo na AIJE que condenou o casal. "Nos termos da jurisprudência dos Tribunais Superiores, não é cabível mandado de segurança contra decisão judicial que se sujeita a recurso específico, como no caso em análise", explicou o desembargador (a foto é do site colunistas.IG e a notícia do site do TRE-RJ).
Ao conceder a liminar algumas coisas ficaram esclarecidas: A força política do casal Garotinho em Campos é incontestável, a oposição local ficou desmoralizada e Rosinha é corajosa e determinada. Fiquei acompanhando através da internet o que estava acontecendo em Campos e Rosinha não recuou em momento algum. Acampou na porta da prefeitura e foi enfática: "Só saio daqui presa!" definiu. Algo chamou-me a atenção: enquanto Rosinha corria o risco de perder o cargo, a Rede Globo dava ênfase em seus noticiários. Após a liminar, Não vi, li ou ouvi mais nada. É como se nada tivesse acontecido. Como nem tudo é Rede Globo, estou disponibilizando um vídeo da TV Record sobre o assunto. Aqui não vamos omitir as informações. Antes de encerrar, quero aqui deixar as minhas mais sinceras e humildes homenagens: Anthony Garotinho, pela perseverança e Rosinha Garotinho pela coragem e determinação. PARABÉNS!!!!  


segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Candidato de Garotinho em Caxias é o mais faltoso da Alerj



 
Na segunda-feira, 09 de maio, foi realizado o Seminário Regional de Organização Partidário da Baixada Fluminense “I”. O evento contou com a presença do Presidente do PR, o deputado federal Anthony Garotinho (na foto com Samuquinha), dos deputados estaduais Samuquinha, Clarissa Garotinho e Altineu Cortes e de outros líderes políticos da Baixada Fluminense. Na reunião o deputado Samuquinha foi anunciado como candidato natural a prefeito do PR para Duque de Caxias. O evento foi aberto por Fernando Peregrino, secretário Geral do PR, que fez uma mostra do PR e suas diretrizes para as eleições de 2012, que é quando o partido deve apresentar candidaturas em todos os municípios para prefeito, vice-prefeito e vereador. No seminário também foram revisados conceitos e projetos do PR. Anthony Garotinho falou sobre o que espera de todos que pretendem se projetar pelo partido. “ O PR é uma noiva para quem quiser casar e não amante que não é assumida. Nossa legenda não é, nem será de aluguel. Mesmo aqueles que já são vereadores só terão legenda se seguirem as orientações do Partido”, concluiu. Além de Peregrino e Garotinho falaram a deputada Clarissa, o deputado Samuquinha, o suplente de deputado Eduardo Feital (PR), o presidente da Câmara Municipal de Belfort Roxo, Denis Dautman (PR), o ex-deputado federal Reinaldo Betão e o vereador de Guapimirim, Érico Schroll (PMDB). Fonte e foto: site do deputado Samuquinha (www.samuquinha.com.br).

Confesso a vocês, que apesar de discordar em diversos pontos, acompanho o Blog do deputado federal Garotinho (www.blogdogarotinho.com.br) e reconheço a habilidade política do deputado. Entretanto, sua postura sempre crítica principalmente em relação aos seus opositores (Cabral, Picciani, Paulo Melo, Eduardo Paes, PMDB, PT e muitos outros) não permite que Garotinho perceba o que acontece dentro de sua "própria casa", o PR: A atuação dos deputados eleitos do partido na Alerj. O ex-líder, Iranildo Campos não vota com o partido, vota com o governo, assim como os seus colegas Fábio Silva, Roberto Henriques e Samuel Malafaia. Foi assim na votação do reajuste dos professores e na votação do projeto de lei que permite a privatização de unidades públicas de saúde, via Organizações Sociais, as famigeradas OS's, além dos deputados citados, ainda temos: Altineu Cortes, Édino Fonseca (líder do PR na Alerj) e Samuquinha.
Garotinho também não percebe que ao anunciar antecipadamente a pré-candidatura nas prefeituras, compromete a legenda quando o seu escolhido não possui credibilidade suficiente, como é o caso de Samuquinha. O jovem deputado, é o atual campeão de faltas no parlamento estadual. Em 74 Sessões, Samuquinha contabiliza a incrível marca de 21 faltas. Uma vergonha!!! Com a toda estrutura diponível (carro oficial, gabinete, assessores, combustível e ótimo salário), como Garotinho e seu pupilo, pretendem convencer ao eleitorado de Duque de Caxias que o melhor é Samuquinha? Estou postando um vídeo da "quase entrevista" de samuquinha no progama CQC (TV Bandeirantes). O quase é por conta da ausência de Samuquinha e seus assessores no gabinete e principalmente na Alerj. Eu ein!






segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Cabral demite subsecretário



enviar por e-mail
Ex-coordenador da Lei Seca que atropelou pedestres em Niterói é exoneradoEle ocupava o cargo de subsecretário da região metropolitana. Caso ocorreu na noite da última quinta-feira. Uma das vítimas morreu

* campos são obrigatórios
corrigir
Ex-coordenador da Lei Seca que atropelou pedestres em Niterói é exoneradoEle ocupava o cargo de subsecretário da região metropolitana. Caso ocorreu na noite da última quinta-feira. Uma das vítimas morreu

* campos obrigatórios
A Secretaria de Estado de Governo do Rio de Janeiro informou na tarde desta segunda-feira (29) que o subsecretário da região metropolitana e ex-coordenador da Operação Lei Seca, Alexandre Felipe Vieira, foi exonerado do cargo. Na noite da última quinta-feira, Alexandre atropelou quatro pessoas no bairro de Itaipu. Uma das vítimas, Ermínio Cosme Pereira, de 52 anos, que passava pelo local de bicicleta, sofreu traumatismo cranioencefálico e cervical e morreu. Uma mulher de 30 anos e seus filhos de dois e cinco anos de idade também foram atendidos. O ex-coordenador da Lei Seca será indiciado por homicídio culposo (quando não há intenção de matar). Em depoimento à polícia, Alexandre admitiu ter bebido meia taça de vinho antes do acidente. A Secretaria de Governo também exonerou Eloísa Helena Souza da Silva, coordenadora de uma das equipes de fiscalização da Operação Lei Seca. Ela autorizou a ida de um reboque da operação ao local do acidente em que o então subsecretário se envolveu (notícia do site IG).
O governador Sérgio Cabral (PMDB), agiu certo. Entretanto, pela notícia divulgada outros funcionários ainda poderão e deverão ser punidos. Que estória é essa de emprestar reboque para ex-colega? Debaixo desse "angú, tem caroço!" Afinal, quem são essas pessoas que estão no comando da Operação Lei Seca? Colocam "terror" psicológico nos motoristas, exigindo o cumprimento da Lei e que a documentação do veículo e a do condutor estejam em dia. Caso algo esteja irregular, não tem perdão. Multa e apreensão do veículo.
Eu já passei pelas "blitzes" do Lei Seca algumas vezes. Por duas vezes fui parado. Em ambas, vi pessoas desesperadas em plena Linha Vermelha, com os veículos apreendidos e sem ter condições para sair do local. Resposta dos agentes? "SE VIRA!". Lamentável a conduta destes ex-funcionários e mal exemplo. JÁ VÃO TARDE! Percebam no vídeo acima (Jornal da Record - Rede Record de TV), o seguinte detalhe: Vieira estava numa reunião política. Quem vai querer o apoio dele agora?  EU NÃO QUERO! HAHAHAHAHAHA! Estou disponibilizando a edição atualizada do Jornal Perfil Baixada.


Edição Atualizada
Clique na Imagem






segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Ceciliano votou contra os professores. Garotinho confirma informação


Manifestação dos professores e funcionários da Educação na Alerj (Blog Pessoas e o Tempo) 

Depois de votar contra os bombeiros militares, o suplente de deputado estadual, André Ceciliano (PT), o Caranguejo, volta a atacar. Desta vez, o "inimigo" do momento são os professores e funcionários da Rede Estadual da Educação. Membro efetivo do bloco governista na Alerj, para o "político", o que importa são os cargos comissionados, Ceciliano Caranguejo, pouco se importa se seus eleitores que trabalham na educação estadual, ficarão sem o aumento merecido no contra-cheque. Ceciliano Caranguejo, fez "amizades" com professores e funcionários em Japeri, onde sempre orientou que esses profissionais fizessem greve com o objetivo de ter seus reajustes dentro da Lei. Combinou com pessoas ligadas ao SEPE de Japeri, para que pressionassem o prefeito Timor (PSDB) e quem sabe talvez, paralizar a educação local. "Deu um tiro no pé"! Timor se reuniu com os sindicalistas e depois de conversar com a categoria, autorizou o aumento de 15%, aprovado pela Câmara Municipal. Ceciliano Caranguejo, sem graça com a disposição do prefeito Timor, sorriu amarelo, HAHAHAHAHAHA! No mandato temporário na Alerj, Ceciliano Caranguejo teve tudo a seu favor, afinal, não foi eleito e poderia fazer uma média com a categoria, aprovando o aumento de 26%, mas, preferiu agir contra os profissionais da educação e ajudou a aprovar os míseros 5% de reajuste. Poderia ter seguido o exemplo de seus colegas de partido, Inês Pandeló (líder do PT na Alerj), Gilberto Palmares, Nilton Salomão e Robson Leite (suplente como Ceciliano, mas, não enrola os professores). É como diz o ditado: "Faça o que eu digo. Não faça o que eu faço"! Fico imaginando a decepção dos professores que o acompanham  através das Redes Sociais. Muitos são diretores de escolas, professores, merendeiras e inspetores. Como pedir votos para Ceciliano? Compromisso? Só com la plata! Como sempre, estou disponibilizando as páginas do Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro, para que o que foi dito aqui, possa ser confirmado. Para ler o Diário Oficial, basta clicar na imagem. Estou disponibilizando também a informação divulgada hoje (16/08/11), no BLOG do deputado federal Anthony Garotinho (PR/RJ). 

 PARA LER, CLIQUE NA IMAGEM




BLOG DO GAROTINHO

A lista dos 34 deputados que votaram contra os professores
A lista dos 34 deputados que votaram contra os professores

Atendendo ao pedido de vários leitores está aí a relação dos 34 deputados estaduais que balançaram a cabeça para Cabral e deram as costas aos professores do Estado. Com certeza os professores e seus familiares, assim como no caso do bombeiros, vão se lembrar de quem votou contra eles, na hora em que aparecer pedindo voto.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

A cidade que Max Lemos tenta esconder

video


Com o slogan: "O FUTURO JÁ COMEÇOU!", o prefeito Max Lemos (PMDB) esconde a real situação de abandono do município de Queimados, na nossa Baixada Fluminense. Na excelente reportagem que foi ao ar no SBT, a repórter Cláudia Ramos, contradiz a "modernidade" de Max Lemos, afirmando que a atual situação do transporte público em Queimados lembra "ar de interior" e "uma coisa das antigas", mesmo estando distante apenas à cinquenta quilômetros da capital. Como assim? O futuro não chegou, então? A realidade é que Max Lemos hoje se preocupa com o Distrito Industrial, que gera empregos e que também arrecada impostos e ainda com o Centro de Queimados. Quanto ao resto, na visão do prefeito, a impressão que fica é que as demais áreas são mesmo O RESTO! Assim como o abandono do transporte público, a área conhecida como "Cidade da Crianças", distante duzentos metros da Prefeitura Municipal é a imagem do abandono no município. Reproduzo aqui a matéria da jornalista Fabíola Ortiz e publicada no UOL Notícias. Confira:

Abandonada, Cidade das Crianças em Queimados 
voltará a ser uma estrada  


Em plenas férias escolares de julho, o pequeno Ronaldo da Conceição, 12, é um dos poucos que ainda frequenta a Cidade das Crianças, no centro de Queimados, na Baixada Fluminense. Na tarde da última segunda-feira (25), ele era um dos únicos a brincar na praça (a maioria dos pedestres que circula pela área de lazer usa o local apenas como corredor de passagem para cortar caminho). Não é para menos: na Cidade das Crianças não há brinquedos, nem escorregador ou pula-pula. Há apenas vestígios de um dia ter havido quiosques para vender lanches e ter sido ocupada por crianças.
Inaugurada no final de 2008, ano de eleições municipais, a Cidade das Crianças está completamente abandonada, apesar de ser uma das poucas áreas de lazer na pequena cidade que fica a 50 quilômetros do Rio de Janeiro e que tem 130 mil habitantes.
No local há apenas matagal, entulho dos quiosques que já foram demolidos, uma rampa de skate pichada sem uso, uma quadra esportiva abandonada, lixo e muros pichados.
“Aqui não tem nada para brincar, só dá para soltar pipa. Às vezes tem gente que joga bola lá na quadra. De noite aqui é muito perigoso, tem ladrão. Meu colega já foi assaltado e tem gente ‘fumando’ droga”, afirma o pequeno Ronaldo. Seu amigo Caio Almeida, 13, se juntou a Ronaldo para empinar a pipa, mas diz que não gosta de ir à praça. “Eu não gosto de vir aqui, não tem o que fazer e fica perigoso.” Ronaldo lembra que a praça costumava ficar cheia antigamente, há cerca de um ano. “Aqui já teve pula-pula, tinha também barraquinha de pipoca.” O bancário Valci Santana, 52 anos e que vive há dez próximo à praça, lamenta o estado da área de lazer. “O prefeito anterior resolveu fazer uma praça aqui. Foi muito bom no início, mas não conseguiu se reeleger e entrou um outro prefeito, que não deu continuidade ao serviço. Ficou abandonada, começou a ter roubo e depredaram”, disse ao UOL Notícias. “Em Queimados, falta lazer. Tem que ir para Nova Iguaçu, são 15 quilômetros de carro. Aqui mesmo não tem nada.”

Local deveria ser estrada, diz prefeitura


Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura de Queimados, a Cidade das Crianças foi construída em “um local onde deveria ser uma estrada: a Estrada de Queimados”. Era uma via vicinal que ligava o centro de Queimados ao bairro de Engenheiro Pedreira, no município vizinho de Japeri. Por isso, o local está sendo “desmontado” e todo o material retirado do espaço foi catalogado e realocado para outras áreas da cidade. A demolição da praça começou a ser feita no início do ano. Em comunicado divulgado à reportagem, a obra realizada na época, pela gestão municipal anterior e que custou em torno de R$ 1 milhão, não obedeceu a regras necessárias de infraestrutura para construir um praça pública com “drenagem, cerca para crianças, arborização e estrutura de guarda municipal para garantir a segurança do local”.
A antiga estrada vicinal será retomada no local, mas a prefeitura afirma que tem um projeto para construir uma nova praça para os moradores. Num período de 60 a 90 dias, as obras devem começar. A nova praça, segundo a prefeitura, chamará “Alegria” e terá “quadra poliesportiva coberta, playground para as crianças, espaço de convivência para idosos, será arborizada, terá drenagem e segurança para a população”.
De acordo com a assessoria, o processo licitatório para as obras já começou há cerca de dois meses.
Entre os moradores ouvidos pelo UOL Notícias, entretanto, há falta de informação sobre os novos projetos da prefeitura. As informações, alega a assessoria, só serão efetivamente divulgadas após a conclusão do processo licitatório.

Vizinhos relatam descaso em praça


Marcos Paulo Mendes, 37, que tem uma filha de 3 anos, disse que não deixa a menina frequentar a praça atual. “Lógico que teria medo. Tem pessoas fumando, eu passei e já vi. De noite eu não passo por aqui não, a iluminação é precária também.” Mãe de três filhos, a dona de casa Lilian de Jesus, 32, afirma passar raramente pela praça. “Tenho medo porque agora ficou esquisito, não é mais aquela pracinha que a gente enchia os olhos. Até ano passado tinha muito movimento, agora não tem ninguém. Funcionava legal, tinha vendedor de pipoca. Eu vinha com meus filhos”, relembra. Lilian lembra que, antes da praça, havia uma rua com muito fluxo de ônibus. “Eu preferia deixar a praça para as crianças. Aqui em Queimados quase não tem nada para as crianças se divertirem”, finaliza.
Abaixo, disponibilizei duas fotos da internet. A primeira revela como era a Cidade das Crianças quando Max Lemos assumiu o mandato de prefeito de Queimados. A segunda atualmente como está a Cidade das Crianças. Hoje conhecida também como Cidade Abandonada ou ainda a Cidade do Crack. Lamentável... Esse é o futuro que chegou em Queimados e que Max Lemos tenta esconder da população!



Cidade das Crianças antes



Cidade das Crianças hoje.  


segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Riosampa terá que indenizar em R$ 15 mil por homofobia


A casa de shows Riosampa (Lanchonete Stop da Dutra Ltda.), foi condenada a indenizar em R$ 15 mil um de seus frequentadores. A decisão foi da 7ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio. Luiz Rocha Pinheiro foi ao local acompanhado de três amigos, onde começaram uma brincadeira com um cubo de gelo, que acabou em um beijo entre Luiz e um de seus amigos, ambos homossexuais. Por este motivo, relataram que foram abordados por seguranças da Riosampa de forma agressiva, com xingamentos, ameaças e foram expulsos do local. Segundo os seguranças agressores, a Riosampa não é local GLS. A Riosampa alegou que tal fato não ocorreu, que zela pelo correto trabalho da sua equipe de seguranças e que não permitiria este tipo de conduta, pois não seria compatível com o funcionamento da casa, que recebe freqüentadores de todo tipo de raça, credo, sexo e etc. A Riosampa também ressaltou que participa e apóia movimentos públicos homossexuais, como a Parada Gay de Copacabana e a de Nova Iguaçu.  O número do processo é: 0050710-95.2006.8.19.0038. Fonte: Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.
A questão é a seguinte: O processo tramitou na justiça durante cinco anos e apesar da grana e dos advogados, a Riosampa não conseguiu provar que não tinha "culpa no cartório". Em sua defesa, a Riosampa declarou que é "uma casa comercial frequentada por ilimitado número de pessoas de todo tipo de raça, sexo, religião e etc..." Que é uma casa comercial, isso eu não tenho dúvidas, afinal, eu não me lembro quando a Riosampa participou de alguma campanha social em prol de alguém ou algo (se souberem me avisem, por favor). O que eu não entendi foi esse negócio de raça. Como assim, raça? Além da raça humana, outro tipo de raça frequenta esta casa de shows? Só a argumentação da defesa por si só, já é preconceituosa. Quanto a atitude dos seguranças, o estabelecimento é responsável pela conduta dos funcionários. Deveriam qualificar melhor os mesmos. A questão principal é a seguinte: Agredir clientes do estabelecimento é a solução para os problemas? Por que não "desenrolaram uma idéia"? Afinal de contas, quem são os homossexuais? São homens e mulheres, jovens ou não. Em alguns casos são pais, em outros mães. As vezes filhos e filhas. Poderia ter sido o filho ou filha de um leitor deste BLOG ou até mesmo a minha filha. A maioria dos gays são trabalhadores e como cidadãos, tem os seus direitos garantidos na Constituição Federal. Independente da opção sexual de cada um, devemos aprender a respeitar a todos. Achei justa a condenação da Riosampa. E para finalizar, gostaria de saber quando foi que a Riosampa participou de alguma campanha contra a homofobia? No processo não conseguiram provar que a Riosampa tenha participado algum dia que fosse... Como morador e trabalhador da Baixada Fluminense, lamento que este fato tenha acontecido aqui. Para o momento de reflexão, estou disponibilizando o vídeo com o jornalista Arnaldo Jabor.




terça-feira, 19 de julho de 2011

Dilma quer grande empresária na Secretaria das Micro e Pequenas.

Luiza Helena Trajano (imagem da internet)
A presidente Dilma Roussef (PT) cogita o nome da mega empresária Luiza Helena Trajano, superintendente do grupo Magazine Luiza, para assumir a Secretaria da Micro e Pequena Empresa, a ser criada. Luiza é natural do Município de Franca (SP), casada e mãe de três filhos, iniciou suas atividades profissionais aos 12 anos de idade, quando resolveu abdicar das férias da escola para trabalhar na loja de seus tios. Formada em Direito e Administração de Empresas, responsável pelo grande salto do grupo, criou as Lojas Eletrônicas Luiza, um projeto pioneiro no varejo nacional, hoje chamado de Lojas Virtuais. Empreendedora, Luiza Helena Trajano fortaleceu a comunicação olho no olho com a equipe e descentralizou o poder, transformando os gerentes de lojas em bons empreendedores. Desde 1993 os colaboradores também participam dos lucros da empresa. A história de sucesso do Magazine Luiza começou em novembro de 1957 com a pequena loja de presentes, chamada ‘A Cristaleira’, em Franca (SP). Hoje, o Magazine Luiza possui mais de 500 lojas, distribuídas em vários estados (fonte: jornal Folha do Cariri).
Se Luiza Helena Trajano assumir a Secretaria, o número de mulheres no comando dos ministérios de Dilma, aumentará para onze (a secretaria tem status de ministério). A criação da Secretaria ligada diretamente à Presidência da República depende de aprovação de Projeto de Lei encaminhado ao Congresso desde março. De acordo com a reportagem do Jornal Folha de São Paulo, o nome de Luiza Helena Trajano foi citado por Dilma em solenidade no Planalto, na qual a empresária estava presente. A presidente teria comentado com assessores que o nome dela seria bom para o novo ministério, que também cuidará da economia solidária (atualmente vinculada ao Ministério do Trabalho). Dilma ainda não formalizou o convite, segundo a Folha de São Paulo.
Fico aqui pensando com os meus botões... Uma empresária deste porte, tomando conta de micro e pequenas empresas? Sabe qual foi a última negociação que a "Dona Luiza", se envolveu? A compra do Baú da Felicidade. Sabia? Pois é... O que nós pensamos quando falamos em Baú da Felicidade? pensamos em Silvio Santos, em grana... Agora raciocine comigo, o quanto Dona Luiza tem de grana... Comprou o Baú da Felicidade! É mole? Você sabe qual é o faturamento anual do Magazine Luiza? Não? Eu sei! 15 bilhões de reais! Isso mesmo, 15 bi! Agora me explica, como é que a Dona Luiza, vai tocar a Secretaria e esquecer a sua empresa bilionária? Me explica... Não sabe explicar, né? Nem eu... Fico aqui pensando de novo... o que será que dá na cabeça desse pessoal, colocar essas pessoas nesses lugares... Como é que pode, a Dona Luiza, largar o faturamento bilionário da empresa que herdou da família e que vem tocando com competência, para assumir um cargo no governo, recebendo R$ 26.723,13 mensais. Este salário pode ser bom para nós. Mas, para uma mega empresária como ela, certamente é pouco. Só para comprar o Baú da Felicidade, Dona Luiza desembolsou através do seu grupo, a "bagatela" de R$ 100 milhões ( o equivalente a três mil e oitocentos meses de salário de ministro). Quem vai nos convencer que Dona Luiza vai deixar de trabalhar em São Paulo, cuidando do seu "império", indo para Brasília para cuidar das empresas dos outros? Encerro o texto com o seguinte questionamento: Quem coloca essas coisas na cabeça da Dilma? Será que ela mesma? Cruz Credo! Esse "carma" eu não carrego, pois não votei nela.
Estou postando o vídeo do jovem artista John Lennon da Silva, um brasileiro, que se apresentou no Programa "Se ela dança, eu danço". Antes da apresentação, foi "zoado" pelos jurados. Depois... Veja com os seus próprios olhos e perceba que as aparências enganam.  





Edição Atualizada Jornal Perfil Baixada
Clique na imagem

















quinta-feira, 14 de julho de 2011

Não foi por falta de aviso: Berenice vacila de novo! Será que foi a maldição do Ceciliano Caranguejo?

Amigos, quem acompanha o nosso BLOG, deve lembrar-se que no mês passado fiz uma postagem sobre a jornalista Berenice Seara, colunista do diário carioca, Jornal Extra. Na postagem, comentei sobre um político que está temporariamente no mandato de deputado estadual e que atende pela alcunha de Ceciliano Caranguejo. Quem será? HAHAHAHAHA! A realidade é a seguinte: Berenice tem sido induzida ao erro constantemente. Aqui na Baixada por Ceciliano Caranguejo, no geral, confesso que não sei quem faz a Berenice "dar barriga" (termo utilizado no jornalismo para quem informa notícia errada ou inverídica). Nesta postagem, estou reproduzindo material publicado no BLOG do deputado federal Garotinho (PR-RJ). Seria cômico, se não fosse trágico! Os comentários são do próprio Garotinho. Mais importante do que a Berenice verificar a fonte (informantes) das matérias que publica, seria que os editores do conceituado Jornal Extra, analisassem o que é escrito pela moça. Tá ficando feio. Será que Berenice Seara foi contaminada pela maldição de Ceciliano Caranguejo? Como o nome sugere, o bicho anda para trás... HAHAHAHAHA! Como sempre, o link está no título da nota. É só clicar e conferir. Falando em conferir, recebi um vídeo com o pronunciamento do deputado estadual Paulo Ramos (esse se elegeu, não é suplente). Surpreendentemente neste vídeo, Ramos pede ao agora divorciado Sérgio Cabral (PMDB) para que saia do armário e ainda lança suspeitas e dúvidas sobre a orientação sexual do governador do Rio de Janeiro. Será? Eu ein?! Não entendi direito mas mesmo assim, postei o vídeo.

12/07/2011 16:13

Olha o mico da Berenice no Jornal Extra





Na onda de Romário ter sido pego na Operação Lei Seca, os jornais estão fazendo gozação em cima disso e dos casos do Índio da Costa e do Aécio Neves que também não quiseram soprar o bafômetro, e agora sobrou pra mim sem ter nada a ver com nada. No meu caso como todos sabem que não bebo, a jornalista Berenice Seara diz que sou um mau motorista, cheio de pontos na carteira. Só tem um problema que vocês vão cair na gargalhada.

Todos os meus amigos sabem e até brincam comigo por causa disso, mas diferente da maioria dos jovens, desde a adolescência nunca tive vontade de dirigir. Para se ter uma idéia até para comprar um carro eu tenho dificuldade, quem sempre cuidou disso foi Rosinha. Nunca dirigi, sequer tirei carteira de motorista.

Pois bem, leram o que a jornalista do Extra colocou hoje em sua coluna. Não sei quem foi que a levou a cometer tamanha “barriga jornalística”? Chega a ser cômico. Ela devia no mínimo, amanhã, falar a verdade, que eu nunca tive carteira de motorista, logo, não posso estar prestes a perdê-la, nem ter pontos negativos.
Em tempo: Se algum dia alguém disser “acabei de ver o Garotinho ao volante dirigindo”, podem segurar que não está batendo bem.







Edição Atualizada do Jornal Perfil Baixada
Clique na imagem


NOTÍCIA DE ÚLTIMA HORA:

14/07/2011 - 20:37


TRE-RJ cassa os deputados Domingos Brazão
e Andréia do Charlinho

Na sessão plenária do TRE-RJ desta quinta-feira, dia 14, sob a presidência do desembargador Luiz Zveiter, o deputado estadual Domingos Inácio Brazão (PMDB) foi cassado e tornado inelegível por oito anos, a contar das eleições 2010, por abuso de poder econômico. Ficou comprovado no processo, sob a relatoria do juiz Antonio Augusto de Toledo Gaspar, que centros sociais, que sofreram operação da fiscalização da propaganda eleitoral durante o período eleitoral, estavam vinculados ao nome do político. "Foi encontrado, durante a busca e apreensão, vasto material que evidenciava o caráter eleitoral, como camisas, toalhas e escovas com o nome do deputado", relatou o juiz Antonio Augusto. Ele avaliou também que Domingos Brazão era o "sustentáculo financeiro ou beneficiado direto" deste assistencialismo. Por fim, e para concluir o seu entendimento, ficou demonstrado que para financiar os centros sociais, foi necessário um grande volume em dinheiro, o que tornou claro, de acordo com magistrado, "o ilícito por abuso de poder econômico". Findo o julgamento, cuja procedência foi unânime, o TRE-RJ determinou que seja enviado ofício a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ) para que seja declarada a vacância do cargo do deputado e empossado o suplente.

Em prosseguimento à sessão desta quinta-feira, foi cassado o diploma da deputada estadual Andréia Cristina Marcello Busatto, conhecida como Andréia do Charlinho (PDT). A Corte a tornou inelegível pelo prazo de oito anos, assim como o seu marido, prefeito do município de Itaguaí, Carlo Busatto Júnior, o Charlinho (PMDB). Eles foram acusados de abuso de poder político e uso indevido dos meios de comunicação. Ficou comprovado no processo, também de relatoria do juiz Antonio Augusto, que houve coação de servidores para participar da campanha da candidata Andréia à ALERJ na eleição do ano passado, como também apoio financeiro a periódico local com a mesma finalidade eleitoreira. Assim como no julgamento anterior, a Corte irá oficiar a decisão judicial à ALERJ.

Na mesma sessão, teve início o julgamento do processo do deputado estadual Dionísio Lins (PP) também por abuso de poder econômico por envolvimento com centros sociais. O relator do processo, juiz Antonio Augusto de Toledo Gaspar, foi acompanhado do desembargador Sergio Lucio de Oliveira e Cruz e os juízes Ana Tereza Basílio, Gilberto Clóvis e Luiz Roberto Ayoub no entendimento segundo o qual não houve prova da finalidade eleitoreira dos referidos centros sociais no pleito de 2010. No entanto, o processo foi suspenso, uma vez que o desembargador federal Sérgio Schwaitzer pediu vista do mesmo para analisar melhor e formar o seu entendimento.

Fonte: ASCOM TRE-RJ

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Bombeiro Soldado do Fogo, Amigo do Povo. André Ceciliano Inimigo dos Bombeiros


Todos nós acompanhamos a "batalha" dos nossos heróis, os bombeiros militares. A principal reivindicação da categoria é a respeito dos baixos salários, que eles recebem. Por causa das manifestações, muitos foram presos, 439 para ser exato e até considerados vândalos. Veio a liberdade e até a anistia. Mas... uma voz em questão dentro da Assembléia Legislativa foi contra o aumento e ainda por cima falou pelo partido. Como é possível? Um representante do Partido dos Trabalhadores (PT), contra o aumento do salário de trabalhadores? E mais: Um de seus "cabos eleitorais", o vereador de Japeri, Rei, do PT é bombeiro militar. Sua patente é a de coronel e o seu nome na corporação é Souza Leão. Nesta postagem farei o seguinte: Colocarei as imagens que comprovam os fatos aqui apresentados. Detalhe: Refiro-me a Emenda Modificativa nº 2, de autoria do deputado Nilton Salomão (PT). A que se propõe esta emenda? Garantir através de 30% do Funesbom (Fundo Especial do Corpo de Bombeiros)  que este percentual seja aplicado para garantir os reajustes e benefícios para os próprios bombeiros. O suplente André Ceciliano (PT), líder em exercício do PT na Alerj, votou contra o reajuste dos bombeiros militares e ainda por cima pediu para o PT votar contra também. Você não acredita? Veja com os seus próprios olhos e preste atenção nos argumentos de outros parlamentares. Abaixo o link para comprovação das informações.








terça-feira, 21 de junho de 2011

Berenice Seara: A nova “vítima” de Ceciliano


Imagem da Coluna Extra, Extra! ( imagem da internet)

 “Atendendo a um pedido do deputado André Ceciliano (PT), O DER iniciou as obras de recuperação da RJ 093. O trecho entre Lages e o Centro de Paracambi será todo recuperado com nova iluminação, asfalto e sinalização. O prestígio junto ao órgão foi destacado pela colunista Berenice Seara, no jornal Extra, de quinta-feira, 02-06”. Com este texto, surge mais uma fraude do suplente de deputado, André Ceciliano, também conhecido como Caranguejo de Paracambi. Desta vez as “vítimas” são os jornalistas e colunistas do conceituado diário carioca, Jornal Extra, Berenice Seara e Felipe Sáles. Na coluna Extra, Extra!, Berenice tem sido sistematicamente induzida ao erro por Ceciliano Caranguejo. Se Berenice ou até mesmo o seu colega tivessem apurado as informações (uma praxe no jornalismo), não teriam divulgado esta notícia fraudulenta. Teria sido pela distância ou por não conhecerem a região? A realidade é que a moça pisou feio na bola, ao servir de “trampolim” ao ambicioso Ceciliano Caranguejo. Este político apesar de ter vencido apenas duas eleições, responde a diversos processos na justiça, que vão desde fraude em licitações, passando por desvio de recursos. Um escândalo! Entretanto, Berenice parece pouco se importar com este fato. Prefere divulgar as bravatas de Ceciliano Caranguejo, onde em sua coluna diária, este político é atuante e prestigiado. A dupla de jornalistas só me resta fazer um pedido: Venham conhecer a região onde este moço, Ceciliano Caranguejo “atua” politicamente. Aliás, aposto que Berenice Seara não sabia que o apelido de Ceciliano é caranguejo. Sabia? Duvido! Eu mesmo descobri recentemente... Dizem que é relacionado a algo como andar para trás e ficar na lama... Eu ein! HAHAHAHAHA! Entretanto, nem tudo está perdido. Caso haja interesse da dupla Berenice e Sáles, em informar a verdade dos fatos, poderei ser útil a ambos. Sim, é isso mesmo! Posso ajudar! É simples: Quando chegar ao conhecimento de ambos mais um “ato” fora de série do nosso anti-herói, Ceciliano Caranguejo, Não hesitem em pedir informações. Prometo que serei isento nas informações solicitadas, em nome do bom jornalismo, aquele que passa a realidade dos fatos aos leitores. Garanto que poderei ser útil, pois, como morador da região, tenho conhecimento de como funcionam as coisas por aqui. Querem um exemplo? As notícias que são publicadas na coluna de vocês são reproduzidas no gabinete de Ceciliano Caranguejo e depois divulgadas para a população. É uma mentira, mas, ganha o tom de verdade por que foi publicada na coluna de vocês. Interessante, não é? Ceciliano Caranguejo usa a Coluna Extra, Extra! para passar uma informação irreal em Japeri e Paracambi. Vocês publicam e no dia seguinte, cabos eleitorais distribuem cópias da coluna de vocês, tal qual fosse verdade. O que acontece depois? Temos que informar a população toda a verdade. Não a verdade do Ceciliano Caranguejo, da Berenice e ou do Sáles, mas, a verdade dos fatos! Sim! Isso mesmo! Foi assim, caros jornalistas, que aconteceu quando vocês noticiaram que Ceciliano Caranguejo conseguiu a Caixa Econômica Federal para Japeri. Venham a Japeri e procurem as instalações. Vocês não irão encontrar a CEF. Agora, que foi desmentido em Japeri, Ceciliano Caranguejo partiu para mentir sobre a reunião, com o presidente do DER e o seu prestígio junto ao órgão. Para a informação de vocês. Na nota publicada, é anunciada a reforma da Rodovia que liga Paracambi à Via Dutra. Acessem ao menos o site do DER. Lá vocês perceberão que a RJ 093 liga Queimados à Japeri e segue em direção ao bairro de Lages. Esta Rodovia não liga Paracambi com a Dutra... Outra coisa importante: O trecho entre Engenheiro Pedreira e Japeri foi concluído há mais de sessenta dias. Ou seja, quando Ceciliano Caranguejo, informou que havia se reunido com o presidente do DER para solicitar a obra, a mesma já estava concluída. O trecho onde o parlamentar temporário alega ter “conseguido” a recuperação continua abandonado. E olha que ele diz que mora em Japeri, tem casa em Paracambi e vive em Mendes. Berenice e Sáles venham, conheçam Japeri e Paracambi. Será um grande prazer recebê-los e provar que vocês estão sendo ENGANADOS! Sim, é isso mesmo! E N G A N A D O S! Sem economizar na palavra. Consultem a internet ou caso queiram conceder-me a honra, pesquisem em nosso humilde BLOG. Nele vocês poderão confirmar todas as informações que estou divulgando agora. Coloco-me a disposição para qualquer dúvida e espero poder colaborar de alguma maneira para que os nobres jornalistas Berenice Seara e Felipe Sáles, não sejam mais enganados por Ceciliano Caranguejo, denunciado em diversas ações pelo Ministério Público.


Nota publicada na Coluna Extra, Extra!


Edição atualizada do Jornal Perfil Baixada

Clique na Imagem



sábado, 21 de maio de 2011

O QUE É ISSO COMPANHEIRO?


Marcelo Damasceno atropela petistas com atos arbitrários


PERSEGUIÇÃO NO PT DE JAPERI VAI PARAR NA JUSTIÇA

O Partido dos Trabalhadores (PT) de Japeri parece ter perdido o rumo da história. O presidente eleito do PT de Japeri, “companheiro” Marcelo Damasceno de Oliveira, o Marcelo Tetéu, juntamente com o atual membro do diretório, chefe da Fundação Leão XIII de Japeri, Luiz Henrique Xavier, pediram a substituição dos “companheiros” e ex-aliados, Rejane da Silva Cerqueira, vice-presidente do PT de Japeri e do seu marido e membro do Diretório Municipal, Alan Carlos da Silva, o Alan de Mica.

O motivo segundo fontes do diretório do PT de Japeri, teria sido à saída de Ana Rogéria, a Rogéria da Chacrinha, suplente de vereadora do partido e mulher mais votada no PT de Japeri. Segundo Rogéria, sua saída do PT era inevitável. “Fiz parte de um grupo que foi “abandonado na estrada”, pelo suplente de deputado estadual André Ceciliano (PT). Trabalhei e pedi votos nas ruas para esse moço e a recompensa foi o não cumprimento de suas promessas. Aprendi a lição e nele não acredito e nem peço mais votos”, afirmou Rogéria da Chacrinha. Após a crise gerada com a saída motivada pela falta de compromissos do suplente em exercício, com os seus “companheiros”, um de seus funcionários nomeados na Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ) e integrante do GSMA (Grupo do Salário Mínimo da ALERJ), Marcelo Tetéu, resolveu punir a vice-presidente do PT que aceitou o pedido de desfiliação de Rogéria. Rejane estava em Japeri, trabalhando no PT. Marcelo Tetéu, sabe-se lá onde estava...



No pedido de substituição de Rejane e Alan de Mica, feito as pressas e de qualquer maneira, com a assinatura de Tetéu e Henrique, prevê que Fábio Júnior e Manoela, assumam os lugares no Diretório Municipal. Com a decisão, a vice-presidente e o membro do diretório, ambos eleitos democraticamente, assim como Marcelo Tetéu, deixam de ter direito a voto nas decisões do partido. Os “afastados” pediram o amplo direito de defesa, previsto inclusive na Constituição Federal. A resposta de Marcelo Tetéu? NÃO! Sendo assim, não restou alternativa aos “perseguidos” a não ser a de buscar o caminho da Justiça. O Mandado de Segurança Repressivo com pedido de Liminar, já foi distribuído na Vara Única da Comarca de Japeri, com o número: 0003478-73.2011.8.19.0083 as informações podem ser confirmadas através do site: http://www.tj.rj.gov.br/

Pois é... Estava aqui pensando com os meus botões... Interessante... O pedido de substituição foi realizado de maneira imotivada, isso mesmo caro leitor sem motivo, ninguém sabe, matou, roubou, cometeu infidelidade partidária? O que teria acontecido afinal? Recordo-me bem que no Processo Eleitoral Direto, o PED, no ano de 2009, Alan de Mica e sua esposa Rejane, trabalhavam dia e noite, com reuniões e pedindo votos para a chapa de Marcelo Tetéu. No dia da eleição ambos levaram mais de 100 (cem), filiados para votarem em Damasceno, o 500 e na Chapa Unidade de Forças Por Japeri. Somente com esta união de forças, foi possível vencer Wellington de Mello, candidato a presidente do competente vereador Jorge Dantas (PT). É importante ressaltar, entretanto que nesta eleição, o hoje “companheiro” Luiz Henrique, era adversário de Damasceno.
Fontes do gabinete do suplente Ceciliano informaram que a saída de Rogéria da Chacrinha, deixou o deputado temporário furioso, cobrando de seus assessores punição para Alan de Mica e esposa. Depois de ter havido o pedido de substituição, ressalte-se em reunião convocada de maneira extraordinária e sem motivação, Alan de Mica solicitou cópia das atas, com o objetivo de saber quais seriam as razões do pedido para ser substituído e como e quando poderia apresentar a sua defesa perante o Diretório do PT. Na reunião do Diretório, Damasceno fez jogo de cena: Avisou aos presentes que todos teriam direito as cópias das atas e que o pedido poderia ser feito até verbalmente. Mas no pedido através de documento, Damasceno negou a cópia da ata (o que em tese seria um direito de quem participa da reunião) e nem ao menos forneceu uma certidão informando que não iria entregar a cópia dos documentos, indignando Alan de Mica.

Diante dos fatos e da perseguição consumada, não restou alternativa a Alan de Mica, senão recorrer a Justiça, através de Mandado de Segurança com Pedido de Liminar, para obter cópia das atas, já requeridas administrativamente ao Secretário Geral do PT de Japeri, que encaminhou o caso ao presidente, Marcelo Damasceno, que negou a cópia dos documentos e que ainda teria “dado o caminho das pedras”: Procura a Justiça!
A pergunta que não quer calar: Já pensou se esse pessoal do PT de Japeri que persegue os “companheiros”, estivesse na Prefeitura de Japeri? Seria UM CAOS! Fico aqui imaginando... ESSA BIROSCA É DO PT? NÃO? ENTÃO FECHA! SUA CASA ESTÁ DEVENDO IPTU, MAS A SENHORA É DO PT? NÃO? ENTÃO PERDEU A CASA, COROA! OS CARAS NUM PARTIDO QUE NUNCA ELEGEU NINGUÉM EM 18 ANOS E QUE AGORA ELEGEU 2 VEREADORES AGEM ASSIM, IMAGINA SE ASSUMEM A PREFEITURA? CRUZ CREDO! SAI PRÁ LÁ CAPETA! TOMARA QUE OS PETISTAS DE VERDADE ASSUMAM O PT DE JAPERI! ESTOU DISPONIBILIZANDO PARA VOCÊS OS DEPOIMENTOS DAQUELES QUE ESTAVAM COM DAMASCENO NA ÉPOCA. DOS DEZ DE ONTEM, DAMASCENO NÃO CONTA COM O APOIO DE 70% DO GRUPO.


Depoimentos de apoio a Marcelo Damasceno



Comunicado da substituição arbitrária de membros eleitos do PT de Japeri


domingo, 8 de maio de 2011

Bonde Sem Freio derrota Ceciliano novamente



Bonde sem freio (site O Globo - Blogs)


Estava na internet, procurando uma imagem que ilustrasse o texto de hoje, sobre a nova derrota do suplente de deputado estadual, André Ceciliano (PT) e do grupo de funcionários que perdem todas as vezes onde o voto e principalmente a democracia falam mais alto. Conhecido como o "Grupo do Salário Mínimo da ALERJ", estas pessoas vem envergonhando o Partido de Lula e Dilma, quando o asssunto é respeito aos companheiros. Na pauta da última reunião, a substituição de membros eleitos do PT sem justa causa. Lamentável... Para falar sobre o assunto e ilustrar a notícia, procurei no Google e todas as imagens ligavam "bonde sem freio" ao time do flamengo (campeão carioca de 2011). Resolvi então procurar por alguma notícia relacionada. Eis que encontrei algo. Um acidente no bairro de Santa Teresa. Analisei atentamente a notícia e percebi que com um pouco de imaginação e bom humor, poderia transformar o acidente do bonde em notícia do que aconteceu aqui em Japeri (mesmo distante 100 quilômetros, acreditando que os personagens poderão ser devidamente encaixados). Primeiro reproduzirei a notícia. Depois aproveitando a mesma, farei uma paródia sobre o que aconteceu aqui. Este tipo de comentário é novo para mim. espero que dê certo e que o resultado agrade a muitos (certamente outros continuarão com ódio... HAHAHAHAHA)!  


Bonde perde o freio e cinco pessoas ficam levemente feridas



Bonde sem freio provoca pânico e deixa feridos ao descer de ré, sem controle. Neste domingo (18/04), às 16h20 o bonde nº 6 perdeu tração ao passar pela estação da Portinha e desceu de ré, em alta velocidade, sem conseguir frear, por cerca de 200 metros, deixando os passageiros em pânico. Pelo menos cinco pessoas, inclusive um casal de turistas estrangeiros, ficaram feridos sem gravidade ao pular da composição. Os feridos, com escoriações e uma moça com supercilho aberto, foram socorridos por moradores pois o Corpo de Bombeiros, acionado pelo 192, informou que não tinha ambulância disponível. A PM destacou um viatura para o local, que só chegou mais de 30 minutos depois. O bonde, após a confusão, despejou areia nos trilhos e continuou seu trajeto (enviado por leitor Gustavo Paiva Veiros Ferreira). Assim como o bonde de Santa Teresa, o Bonde Sem Freio do PT de Japeri, também fez as suas vítimas. Dentro do texto enviado pelo leitor do O Globo, comentarei o que aconteceu ontem no Diretório Municipal do PT de Japeri, como paródia. 

Bonde Sem Freio do PT deixa cinco feridos
 
 
O Bonde Sem Freio do Partido dos Trabalhadores (PT) de Japeri, pilotado pelo habilidoso vereador Jorge Dantas, deixou feridos ao descer de frente e totalmente controlado. Neste sábado (07/05), às 10h o bonde nº 13 (de verdade) ganhou tração ao passar pela estação de Cecilianóquio (aquela estação que diz que faz tudo e que na realidade não faz nada) e desceu de frente, em alta velocidade. A composição sem querer frear, por cerca de 113 metros, deixou os passageiros que pensavam que eram os donos do PT, em pânico. Pelo menos cinco pessoas, inclusive um casal de turistas estrangeiros, ficaram feridos ao tentar pular da composição. Entre os cinco feriados, três são membros do Diretório do PT de Japeri e foram identificados: Marcelo Damasceno (presidente do PT de Japeri), Luiz Henrique (ex-Tafarel e atual Fundação Leão XIII e Vaílson Batista (secretário da desorganização do PT de Japeri), quanto ao casal de turistas estrangeiros, não foram identificados, mas testemunhas comentaram que o casal mora em Nova Iguaçu e que foi descoberto um vídeo amador e uma conta de uma linha telefônica em nome de um dos turistas, onde fica a sede do PT de Japeri. Os feridos, com escoriações e uma "moça" com supercilho aberto, foram socorridos por alguns partidários pois o Corpo de Bombeiros, acionado pelo Alô ALERJ, informou que a ambulância disponível estava no DETRAN. O Destacamento do GSMA (Grupo do Salário Mínimo da ALERJ) enviou uma viatura para o local, que não chegou a tempo porque estava sem combustível. O Bonde Sem Freio do PT de Japeri, após a confusão, lavrou a ata, despejou areia nos trilhos e continuou seu trajeto.

EDIÇÃO ATUALIZADA
Clique na imagem





segunda-feira, 4 de abril de 2011

André Cecilianóquio agora “consegue” viaduto


Como se não bastassem todos os problemas e escândalos envolvendo os políticos, o suplente de deputado estadual em exercício, André Ceciliano (PT), continua mentindo e tentando induzir a população de Japeri e em especial de Engenheiro Pedreira ao erro. Após ter sido desmascarado por mim aqui neste BLOG e através de matéria publicada no Jornal Perfil Baixada, onde sou editor e redator-chefe, resolvi acompanhar as Sessões na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ), durante a semana e aconteceu exatamente o que eu esperava: Ceciliano não tocou no assunto. Ou seja, calou-se mediante o jornal que publicou uma foto sua na primeira página, com a seguinte chamada: MENTIRA! André Ceciliano tentou induzir o povão de Japeri e Engenheiro Pedreira ao erro. Exclusivo: Toda a verdade sobre a instalação da CAIXA. Sinceramente? Eu já esperava por essa reação de Ceciliano... Apesar de ter apenas 43 anos, o político possui em seu currículo além das três derrotas nas urnas (Prefeitura de Paracambi em 2004, Prefeitura de Japeri em 2008 e deputado estadual em 2010), uma vergonhosa coleção de denúncias e processos judiciais. Ao assumir o mandato temporário como deputado, Ceciliano abriu o jogo para as câmeras da TV GLOBO e disse ao que vinha: “Político não tem que se explicar, quando se explica é ruim...”, lembram? Pois bem: Não satisfeito em mentir e mentir cada vez mais, para a população, postou em seu site o seguinte texto: "André aproveitou a oportunidade para solicitar ainda a construção de um viaduto sobre a passagem de nível da Estação de Engenheiro Pedreira, principal distrito de Japeri. Também discutiu propostas para a redução  dos intervalos dos intervalos dos trens do ramal de Paracambi e sugeriu a implantação de linhas diretas no mesmo ramal, nos horários de pico. Quem vive em Japeri e Paracambi sofre muito com a falta de transporte. O trem acaba sendo a única opção. É preciso melhorar o acesso nestes dois ramais, frisou". VAMOS A VERDADE DOS FATOS: No dia 18 de junho de 2009, o governador Sérgio Cabral (PMDB) enviou ao município de Japeri, o subsecretário estadual de Obras e Projetos, Vicente Loureiro. O objetivo da vinda de Loureiro foi uma reunião com o prefeito Timor (PSDB), para analisar um projeto feito pela Prefeitura de Japeri, onde o Governo do Estado pudesse realizar a construção de um viaduto para carros e pedestres próximo à estação de trem de Engenheiro Pedreira. Ficou decidido, que dois técnicos do Governo do Estado, um arquiteto e um engenheiro, viriam a Japeri para um estudo mais detalhado sobre as condições da obra. “Quando esta fase estiver pronta, será apresentada ao vice-governador e secretário de Obras, Luiz Fernando Pezão”, concluiu Vicente Loureiro. Durante o encontro, o subsecretário também abordou as obras do Arco Rodoviário em Japeri. Na época, o vereador Kerly Gustavo (PSDB) foi às ruas para buscar assinaturas de cidadãos para a construção do viaduto (estou disponibilizando a foto da época no final do texto). O que significa tudo isso? Significa que André Ceciliano, vem mentindo e tentando induzir a população ao erro, sistematicamente. Qualquer notícia que chegue ao seu conhecimento sobre alguma obra e ou realização, ele corre e avisa: SOU EU, FUI EU! Sua atuação política me lembra a de um jovem, filho de um marceneiro e que todo mundo gostava, porém não acreditavam no que ele dizia. Você sabe de quem estou falando? Sim é dele mesmo: PINÓQUIO! o boneco, filho de Gepeto e que todas as vezes que mentia, o nariz crescia. HAHAHAHAHA! Só falta essa... O André Ceciliano, tomar o lugar de Pinóquio, transformando-se em CECILIANÓQUIO! Hoje, dia 4, o governador em exercício Luiz Fernando Pezão (PMDB) participa, às 11h, da solenidade de inauguração do Viaduto, construído pela MRS Logística, que liga os municípios de Japeri e Paracambi. Com investimentos da ordem de R$ 15 milhões, a obra consiste em uma linha variante de 1,5 km que pôs fim ao cruzamento, em nível, entre os trens de carga da MRS e os de passageiros da Supervia, no Km 64 da malha da MRS. Será que CECILIANÓQUIO, vai dizer que a obra é dele também? TOMA JEITO! PARE DE MENTIR E DE TENTAR PEGAR CARONA NOS PROJETOS DOS OUTROS, RAPAZ!



Timor, Vicente Loureiro, Kerly e Ernane. 18-06-09



EDIÇÃO ATUALIZADA
Clique na imagem